Resumo do texto

  • O Governo Federal anunciou em setembro que mais 4 parcelas de R$300 serão oferecidas através do Auxílio Emergencial;
  • Elas serão pagas somente até dezembro e existem algumas informações importantes que você precisa saber;
  • Veja como ficam os novos pagamentos e quem tem direito a recebê-los.

Baixe grátis o super app PagBank!

 

Desde abril, o Governo Federal está pagando o Auxílio Emergencial para os brasileiros afetados pela pandemia. Ao longo desses meses, muitas mudanças aconteceram, incluindo a adição de duas parcelas de R$ 600, que ampliou o benefício de 3 para 5 pagamentos.

Além disso, o Governo já mudou a forma de recebimento e os Ciclos de pagamento do Auxílio, sendo que a última mudança foi o acréscimo de mais 4 parcelas de R$ 300 — pagas entre setembro e dezembro.

Os primeiros pagamentos começaram em 30 de setembro e seguem até o final de dezembro, e o saque do benefício será liberado para todos até janeiro de 2021.

Transferindo o benefício para o PagBank sem custos, você garante um banco completo e grátis na palma da sua mão. Pelo super app, você paga contas parceladas em até 12x usando cartão de crédito de qualquer banco, tem Cartão Internacional grátis e sem anuidade e tudo isso em uma conta que rende o dobro da poupança sem você precisar fazer nada!

Confira abaixo o calendário do Auxílio Emergencial de R$ 300, as datas de recebimento, saque e também quem tem direito às novas parcelas.

tela de celular com app do auxilio emergencial e calendário ao fundo

 

Auxílio Emergencial de R$ 300: entenda o pagamento das novas parcelas

Para você entender bem como serão feitos esses pagamentos, vamos voltar ao mês de abril — data em que começaram as inscrições no Auxílio Emergencial. Quem pediu o Auxílio no primeiro mês recebeu — de maio a setembro — cinco parcelas de R$ 600. Agora, com a prorrogação, o beneficiário vai receber as quatro novas parcelas de R$ 300.

Quem começou a receber o Auxílio em junho — ou seja, recebeu 4 parcelas de R$ 600 até setembro — vai receber mais uma de R$ 600 e apenas 3 de R$ 300. Essa escala segue de maneira progressiva até o mês de julho, o último mês de inscrição no Auxílio. Veja a tabela abaixo para entender quanto cada pessoa recebe nos próximos meses, tendo como base quando ela começou a receber o benefício.

Mês da 1ª parcela

do Auxílio

Pagamento do Auxílio
Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro
Abril R$ 600 R$ 300 R$ 300 R$ 300 R$ 300
Maio R$ 600 R$ 600 R$ 300 R$ 300 R$ 300
Junho R$ 600 R$ 600 R$ 600 R$ 300 R$ 300
Julho R$ 600 R$ 600 R$ 600 R$ 600 R$ 300
Agosto R$ 600 R$ 600 R$ 600 R$ 600 R$ 600

 

Perceba que quem se inscreveu ou a pessoa que se inscreveu em julho vai receber apenas uma parcela de R$ 300 — já que ainda está recebendo as parcelas de R$ 600. Quem se inscreveu no Auxílio até o dia 02/07 tem direito a 5 parcelas de R$ 600. Somente após o pagamento dessas parcelas maiores é que começa o Ciclo com as parcelas menores.

Receba seu Auxílio direto na conta PagBank!

Você sabia que é possível receber o Auxílio Emergencial diretamente na sua conta PagBank? Cadastrando os dados da sua conta no aplicativo CAIXA Tem, é possível deixar tudo pronto para que o dinheiro caia na sua conta assim que a data de transferências e saques chegar.

Veja aqui como é fácil cadastrar sua conta PagBank no CAIXA Tem!

Traga o Auxílio Emergencial para sua conta PagBank e cuide do seu dinheiro em um banco completo, grátis e que cabe na palma da sua mão. Só aqui você encontra facilidades como:

  1. Pagar contas parceladas em até 12x usando cartão de crédito de qualquer banco.
  2. Conta que rende o dobro da poupança;
  3. Cartão Internacional grátis e sem anuidade;
  4. Recarga de celular direto no super app;
  5. Aplique seu dinheiro nos CDBs PagBank economizando apenas R$3,35 por dia.

Gostou das possibilidades que só a gente pode te oferecer? Então traga seu Auxílio Emergencial para o PagBank! Tudo começa baixando o super app na loja de aplicativos do seu celular!

Baixe já e transfira grátis o seu Auxílio para o PagBank!

As novas parcelas alteram o calendário do Auxílio Emergencial?

A entrada das novas parcelas não muda o cronograma de pagamentos, ou seja, continua valendo o esquema de Ciclos de pagamentos. O calendário possui 6 Ciclos e um único cronograma, que tem como referência o mês de nascimento e quando o beneficiário recebeu a primeira parcela.

A ideia do calendário é juntar todos dentro desses Ciclos, independentemente da parcela recebida. O que vai acontecer é que os beneficiários que iriam parar de receber o Auxílio a partir do Ciclo 3 — que é o Ciclo que começa no final de setembro — continuarão recebendo o benefício nos próximos meses, só que, dessa vez, recebendo R$ 300.

Veja abaixo cada um dos Ciclos de pagamento.

Ciclo 3 – Início em 30/09

Para quem se inscreveu no Auxílio Emergencial em abril, esse Ciclo seria o primeiro a parar de receber, porém, com a entrada das parcelas de R$ 300, esse grupo volta a receber. As datas não mudam, seja você um beneficiário recebendo R$ 600 ou R$ 300. O que vai orientar o pagamento e data para transferências e saques é a sua data de aniversário.

Resumindo:

  1. Para quem recebeu a primeira parcela em abril, esse é o primeiro Ciclo de recebimento dos R$ 300;
  2. Quem se inscreveu nos meses posteriores segue recebendo R$ 600.
MÊS DE NASCIMENTO DATA DA LIBERAÇÃO DO AUXÍLIO DATA INICIAL PARA TRANSFERÊNCIAS E SAQUES
JANEIRO 30/09 07/11
FEVEREIRO 05/10 07/11
MARÇO 07/10 14/11
ABRIL 09/10 21/11
MAIO 11/10 21/11
JUNHO 14/10 24/11
JULHO 16/10 26/11
AGOSTO 21/10 28/11
SETEMBRO 25/10 28/11
OUTUBRO 28/10 01/12
NOVEMBRO 29/10 05/12
DEZEMBRO 01/11 05/12

Ciclo 4 – Início em 30/10

O Ciclo 4 será o primeiro com o recebimento dos R$ 300 para quem recebeu a primeira parcela do Auxílio em maio. Portanto, quem se inscreveu em abril, o Ciclo 4 marca o pagamento da segunda parcela de R$ 300.

Resumindo:

  1. Para quem recebeu a primeira parcela em maio, esse é o primeiro Ciclo de recebimento dos R$ 300;
  2. Para quem recebeu a primeira parcela em abril, esse é o segundo Ciclo de recebimento dos R$ 300;
  3. Quem se inscreveu em junho segue recebendo R$ 600.
MÊS DE NASCIMENTO DATA DA LIBERAÇÃO DO AUXÍLIO DATA INICIAL PARA TRANSFERÊNCIAS E SAQUES
JANEIRO 30/10 07/11
FEVEREIRO 04/11 07/11
MARÇO 05/11 14/11
ABRIL 06/11 21/11
MAIO 08/11 21/11
JUNHO 11/11 24/11
JULHO 12/11 26/11
AGOSTO 13/11 28/11
SETEMBRO 15/11 28/11
OUTUBRO 16/11 01/12
NOVEMBRO 18/11 05/12
DEZEMBRO 20/11 05/12

Ciclo 5 – Início em 22/11

O quinto Ciclo marca o primeiro pagamento de R$ 300 para quem ingressou no Auxílio Emergencial em junho. Essa etapa marca o terceiro pagamento para quem se inscreveu em abril e o segundo para os inscritos em maio.

Resumindo:

  1. Para quem recebeu a primeira parcela em junho, esse é o primeiro Ciclo de recebimento dos R$ 300;
  2. Para quem recebeu a primeira parcela em maio, esse é o segundo Ciclo de recebimento dos R$ 300;
  3. Para quem recebeu a primeira parcela em abril, esse é o segundo Ciclo de recebimento dos R$ 300;
  4. Quem se inscreveu em julho segue recebendo R$ 600.
MÊS DE NASCIMENTO DATA DA LIBERAÇÃO DO AUXÍLIO DATA INICIAL PARA TRANSFERÊNCIAS E SAQUES
JANEIRO 22/11 19/12
FEVEREIRO 23/11 19/12
MARÇO 25/11 04/01/2021
ABRIL 27/11 06/01/2021
MAIO 29/11 11/01/2021
JUNHO 30/11 13/01/2021
JULHO 02/12 15/01/2021
AGOSTO 04/12 18/01/2021
SETEMBRO 06/12 20/01/2021
OUTUBRO 09/12 22/01/2021
NOVEMBRO 11/12 25/01/2021
DEZEMBRO 12/12 27/01/2021

Ciclo 6 – Início em 13/12

O sexto Ciclo marca o começo do pagamento de R$ 300 para quem se inscreveu no Auxílio Emergencial até 02 de julho — data limite para pedir o benefício. Esse é o último Ciclo de pagamentos do Auxílio para todos os beneficiários.

Resumindo:

  1. Para quem recebeu a primeira parcela em julho, esse é o primeiro e único Ciclo de recebimento dos R$ 300;
  2. Para quem recebeu a primeira parcela em junho, esse é o segundo Ciclo de recebimento dos R$ 300;
  3. Para quem recebeu a primeira parcela em maio, esse é o terceiro Ciclo de recebimento dos R$ 300;
  4. Para quem recebeu a primeira parcela em abril, esse é o quarto Ciclo de recebimento dos R$ 300.
MÊS DE NASCIMENTO DATA DA LIBERAÇÃO DO AUXÍLIO DATA INICIAL PARA TRANSFERÊNCIAS E SAQUES
JANEIRO 13/12 19/12
FEVEREIRO 13/12 19/12
MARÇO 14/12 04/01/2021
ABRIL 16/12 06/01/2021
MAIO 17/12 11/01/2021
JUNHO 18/12 13/01/2021
JULHO 20/12 15/01/2021
AGOSTO 20/12 18/01/2021
SETEMBRO 21/12 20/01/2021
OUTUBRO 23/12 22/01/2021
NOVEMBRO 28/12 25/01/2021
DEZEMBRO 29/12 27/01/2021

Acesse este conteúdo e aprenda mais sobre os Ciclos de pagamento do Auxílio Emergencial.

Todo mundo tem direito às novas parcelas?

Com o ingresso das novas parcelas, o Governo Federal aproveitou para deixar as regras de recebimento do Auxílio Emergencial mais rígidas. Foi realizado um pente fino nos cadastros e alguns beneficiários já foram excluídos do programa.

Foram negadas as parcelas de R$ 300 do Auxílio Emergencial às pessoas que:

  1. Possuem indicativo de óbito (como certidão de óbito) nas bases de dados do Governo Federal;
  2. São menores de 18 anos (exceto casos de mães adolescentes);
  3. Estão presas em regime fechado;
  4. Receberam, em 2019, rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70
  5. Receberam, em 2019, rendimentos isentos ou tributados na fonte cuja soma ultrapassa R$ 40 mil;
  6. Tinham, em 31/12/2019, posse ou propriedade de bens e direitos com valor superior a R$ 300 mil;
  7. Pessoa declarada como dependente no Imposto de Renda de outra pessoa que se encaixa nas situações listadas nos tópicos 4, 5 e 6;
  8. Moram no exterior;
  9. Têm renda mensal superior a meio salário mínimo por pessoa e renda familiar mensal maior que 3 salários mínimos;
  10. Receberam benefício previdenciário, seguro-desemprego ou dinheiro vindo de programas de renda do Governo (exceto o Bolsa Família);
  11. Conseguiram emprego formal com registro em carteira de trabalho após o recebimento de qualquer parcela do Auxílio Emergencial.

Auxílio Emergencial no PagBank

Aqui o seu benefício tem inúmeros benefícios. Parcelamento de contas em até 12x no cartão de crédito de qualquer banco, conta que rende o dobro da poupança e até Cartão Internacional sem tarifas e anuidades e muito mais.

Tudo isso em um banco completo e grátis na palma da sua mão!

Abra uma conta grátis e traga seu Auxílio para o PagBank!