Saiba como escolher o melhor fundo de ações para sua carteira de investimentos

Resumo do texto

  • Saiba como investir em fundos de ações;
  • Entenda como escolher o melhor fundo de ações para sua carteira;
  • Veja como esses fundos dão acesso a várias ações da Bolsa de Valores.

 

Investir em fundos de ações é uma maneira simples e prática de aplicar na Bolsa de Valores sem precisar operar diretamente no pregão (que é a compra e venda de ações na Bolsa).

Mas como escolher o melhor fundo de ações para investir seu dinheiro? 

Neste post reunimos dicas para descobrir qual o fundo ideal para você e os principais pontos de atenção, como taxas e resgate.

Boa leitura!

Artigos que podem ser do seu interesse:

Veja Como Funciona os Fundos de Ações

Veja como escolher o melhor fundo de ações

Assim como em todos os investimentos, para escolher o melhor fundo de ações é preciso avaliar alguns fatores como o histórico dos resultados do fundo, liquidez, taxas, Imposto de Renda e, claro, o seu perfil de investidor.

Para te ajudar a tomar a decisão ideal, separamos os critérios que você deve avaliar antes de tomar a sua decisão. Confira! 

O que são fundos de ações?

Fundos de ações são uma maneira descomplicada para pequenos investidores aplicarem seu dinheiro na Bolsa de Valores. Esses fundos de investimentos têm o objetivo principal de aplicar o valor das cotas em ações de empresas disponíveis na Bolsa. 

Para que um fundo seja classificado como fundo de ações, ele deve ser composto por, no mínimo, 67% de ações. Ou seja, em bônus ou recibos de subscrição, certificados de depósito de ações, cotas de fundos de ações e cotas dos fundos de índice de ações, BDRs (Brazilian Depositary Receipts), e, claro, ações de empresas.

Essa definição deve seguir as diretrizes da CVM (Comissão de Valores Mobiliários). 

Como funcionam os fundos de investimentos em ações?

Para saber como escolher o melhor fundo de ações é preciso descobrir como eles funcionam.

O dinheiro de todos os cotistas participantes é somado, formando o patrimônio do fundo. Com essa quantia em mãos, os gestores aplicam em diversas ações disponíveis na Bolsa de Valores, selecionando aquelas que foram analisadas como boas oportunidades de ganho.

Dicas para escolher um fundo de ações

Para escolher o fundo de ações ideal para você, é necessário levar em conta alguns fatores.

Além do seu perfil de investidor, objetivos e metas, outros pontos muito importantes precisam ser avaliados. Conheça a seguir as informações que você deve ter em mente:

1. Atenção aos custos

Ao investir em fundos de ações, existem cobranças como taxas e tributos.

  • Taxa de administração: é divulgada como um percentual anual, porém, a cobrança acontece diariamente, de forma proporcional ao valor investido;
  • Taxa de performance: bônus cobrado pelo administrador por ter entregado ao investidor uma rentabilidade maior que o índice de referência;
  • Imposto de Renda: a tributação é aplicada conforme a rentabilidade e a alíquota é de 15%.

Lembre-se: Nos fundos de ações, geralmente o índice é o Ibovespa, mas nem todos os fundos cobram taxa de performance. Então, sempre leia as regras.

2. Identifique a Performance

Diferente de aplicações em renda fixa, cos fundos de ações não é possível ter essa previsão já que são investimentos em renda variável.

Então, para saber como escolher o melhor fundo de ações, é essencial avaliar a performance do fundo. Para isso, é necessário identificar qual foi o desempenho do investimento, avaliando fatores como o histórico de performance e o comportamento do fundo em relação ao índice Ibovespa.

Procure por resultados consistentes, pois isso mostra a competência da equipe de gestores especializados que estão tomando a decisão de quais ações comprar ou vender.

Essas informações podem ser encontradas no site da CVM (Comissão de Valores Mobiliários) e também na lâmina do fundo, documento que contém os principais dados sobre o investimento.

3. Não esqueça da liquidez

Liquidez é a facilidade de transformar o seu investimento em dinheiro. Por isso, antes de aplicar em um fundo de ações, preste atenção nos prazos de resgate.

Normalmente, os fundos de ações possuem um prazo de resgate de 30 dias. Após a solicitação, o dinheiro do investidor cairá na conta depois desse período.

Todas essas informações estão no regulamento e na lâmina do fundo.

Invista em renda variável com o PagBank

Através do Home Broker do PagBank é muito mais fácil investir em Renda Variável com autonomia, basta abrir a sua conta! O funcionamento da plataforma é totalmente online e ali é feita a compra, venda e o acompanhamento do investimento na bolsa.

Para te ajudar, temos um presentão para você: quatro operações grátis por mês, ou seja, você pode realizar quatro compras ou vendas de ações com taxa de corretagem zero mensalmente. Assim, só é necessário pagar a taxa da B3.

Feitas essas quatro operações gratuitas, as taxas do Home Broker do PagBank serão as seguintes:

  • R$ 2,99 na modalidade swing trade: aqui você faz a compra de uma ação na B3 e vende em questão de dias, semanas ou meses;
  • R$ 1,99 na modalidade day trade: nesta categoria você faz a compra de uma ação na B3 e vende no mesmo dia.

Para começar é muito simples, basta seguir os passos a seguir:

  1. no Menu Principal, acesse a opção Produtos e Investimentos;
  2. clique em Aplicar meu Dinheiro;
  3. confira as opções de Renda Variável;
  4. aloque dinheiro (mande o dinheiro para o Home Broker)
  5. faça sua escolha e clique em Investir.
  6.  Pronto! A ordem de compra será feita, é só acompanhar a aplicação pelo celular.

Invista na Bolsa de Valores com o PagBank!

“Este canal tem como única intenção fornecer um panorama sobre as diferentes categorias de produtos de investimentos disponíveis no mercado. Os conteúdos não têm o objetivo de oferecer análise de valores mobiliários ou recomendações de investimento, considerando que os produtos apresentados podem não ser adequados aos objetivos, situação financeira ou necessidades individuais de cada usuário. O PagSeguro PagBank se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que decorram da utilização de seu conteúdo, bem como por eventuais informações fornecidas por terceiros, que não expressam a opinião do PagSeguro PagBank. As projeções e preços apresentados estão sujeitos a variações e as informações podem não estar atualizadas no momento exato da consulta do material. Antes de tomar qualquer decisão, é recomendado que o leitor busque orientação financeira independente e leia atentamente os materiais técnicos relativos a cada produto.”

  • Tags