Resumo do texto

  • Conheça todos os gastos que envolvem uma cerimônia;
  • Saiba como fazer um bom planejamento financeiro e estabelecer metas para o casamento;
  • Conheça oito dicas para definir as metas e planejar o casamento.

Baixe grátis o super app PagBank!

 

Fazer um casamento inesquecível, reunir os familiares e amigos em uma festa e celebrar esse dia especial é o sonho de boa parte dos casais. Porém, para transformar esse sonho em realidade é preciso entender muito bem como planejar um casamento e organizar os gastos desse evento.

Se você pretende casar, anote todas as nossas dicas a seguir para que o tão sonhado dia do seu matrimônio seja só diversão sem preocupações com dinheiro. 

Quais são os principais gastos de um casamento?

Descobrir quais são os principais gastos ajudam o casal a definir como planejar o casamento com muita organização e sem surpresas de última hora. Para definir o orçamento para o casamento é necessário saber todos os gastos que envolvem a festividade, desde o vestido até a confecção dos convites. 

Comece elaborando a lista de convidados, assim fica mais fácil levantar todos os outros custos, separando também o valor por pessoa.

Com a lista feita, você deve começar a escolher o local que irá comportar todas as pessoas, qual será o tamanho do buffet (normalmente o valor é cobrado por convidado) e quantidade de convites que precisarão ser feitos.

Após essa listagem e a definição da quantidade de pessoas surgem outros custos:

  1. Roupas dos noivos;
  2. Acessórios (sapatos, cintos, tiara etc);
  3. Alianças;
  4. Decoração do local da cerimônia e da festa;
  5. Gastos com entretenimento (DJ ou banda) e iluminação;
  6. Taxas do cartório e da Igreja.

O casal pode optar por fazer tudo sozinho, mas contar com o apoio de um cerimonialista ajuda a manter a organização do evento para que tudo saia conforme o planejado. Mas não esqueça que este serviço é pago, então, agregar o cerimonialista na sua festa ajuda bastante, mas eleva o custo.

Existem mais alguns gastos que costumam figurar no controle dos noivos, mas que podem ser dispensados:

  1. Fotografia e vídeo;
  2. Impressão do álbum de fotos;
  3. Aluguel de carro para transporte da noiva até a festa;
  4. Pernoite em hotel antes de viagem de lua-de-mel;
  5. Manobrista e guarda-carros no local do evento.

Outros gastos que não são obrigatórios, mas que costumam aparecer bastante em planos de casamento, são os gastos com filmagem, fotos e manobrista para levar a noiva até o local da cerimônia.

O que pode ser mais econômico?

Existem alguns gastos que podem ter alternativas mais econômicas. Um bom exemplo são as lembrancinhas do casamento.

O casal pode confeccionar as lembrancinhas, tornando esse custo menor. O envio de todos os convites não precisa necessariamente ser feito pelos Correios. Vocês podem optar por enviar somente para pessoas que moram em outras cidades e entregar em mãos na casa dos convidados que moram próximos a vocês.

O transporte da noiva até a cerimônia pode ser feito por algum familiar ou amigo, e os pais das daminhas de honra e pajens podem contribuir com esses custos.

Como realizar um bom planejamento financeiro para casamento?

Antes de trocar as alianças é essencial que os dois definam um planejamento junto com o orçamento total, que irá servir como indicação de qual o melhor caminho a seguir.

Estabelecendo o valor máximo que vocês estão dispostos a gastar, fica mais fácil escolher o número de convidados e, consequentemente, os lugares para a cerimônia e recepção. 

É imprescindível que o casal crie uma planilha de gastos e orçamento para controlar todo o dinheiro. Também é recomendado definir quanto cada um vai contribuir por mês para chegar até o orçamento desejado para a cerimônia.

Veja uma tabela onde reunimos os principais gastos listados acima, para ajudar no seu controle.

GASTOS ANTES DA FESTA
Confecção dos convites
Envio dos convites
Aluguel ou compra dos trajes
Compra das alianças
Taxas cartorárias (registro da união)

 

GASTOS DA FESTA
Aluguel do espaço da festa
Buffet
Decoração
Fotografia
DJ ou banda
Bolo do casamento
Lembrancinhas
Prestação de serviços: Cerimonialista, Juiz de Paz, Igreja, etc

 

GASTOS PÓS-FESTA
Noite de núpcias
Viagem de comemoração
Compra das fotos do álbum
Despesas eventuais (ex: quebra de louças durante a festa, taxa de convidados extras)
Transporte dos noivos até a lua de mel

 

Por que é importante ter metas financeiras para começar a planejar o casamento?

Estabelecer metas a dois ajuda a entender muito bem onde o casal quer chegar. Ao correr atrás dessas metas juntos, fica muito mais fácil realizar sonhos e planejar o futuro com base em decisões que precisam ser tomadas agora visando o amanhã. 

E não se esqueça que casal que se empenha junto para um objetivo comum gera união em torno do objetivo, o que é importante para estreitar ainda mais os laços e construir mais confiança entre os pombinhos.

Como definir metas em casal e planejar a festa de casamento?

Organizar um casamento não é uma coisa que acontece de um mês para o outro. Um evento desses, mesmo sendo pequeno, envolve muitos detalhes e custos.

Por isso, independente do tamanho da cerimônia que você pretende fazer, a definição das metas do casal é muito importante para que tudo ocorra de forma tranquila. Confira nossas dicas:

  • Evite segredos

A honestidade é a base de todo relacionamento, certo? Esclarecer tudo, principalmente no âmbito financeiro, já é um grande passo para entender como planejar um casamento sem apertos. 

  • Controle suas despesas pessoais

Chocolate pós almoço, cafezinho na rua, usar o carro quando você poderia ir a pé… Todos esses gastos te deixam mais longe do dinheiro necessário para o casamento. Que tal eliminar esses custos?

  • Monte uma planilha com suas dívidas

Se algum de vocês tiver dívidas, é bom montar uma planilha com elas e como vocês irão se organizar para pagar. Não comecem a planejar uma festa de casamento tendo dívidas a quitar, o risco de vocês se endividarem mais e tudo se tornar uma bola de neve é grande.

  • Estabeleça metas financeiras

Conversem juntos para definir essas metas e decidam também como e quando vão começar a guardar dinheiro juntos.

  • Definam juntos suas expectativas

Casamento grande? Pequeno? No civil e religioso? Cerimônia em um domingo de manhã e após um almoço com poucos convidados? Uma super festa com centenas de convidados? São muitas as possibilidades para um casamento, por isso, definam juntos quais são seus desejos para esse evento. 

  • Entenda qual o gasto e ganho do parceiro

É muito importante que o casal saiba quais são os ganhos de cada um. Se vocês optarem por levar uma vida juntos, não faz sentido esconder essa informação.

  • Organizem um plano de ação

Para que as metas se concretizem, é necessário um bom plano de ação. Neste plano, vocês devem colocar o tempo necessário para o objetivo ser alcançado, o dinheiro envolvido e as responsabilidades de cada um.

  • Definam questões financeiras

Definam se vocês vão abrir uma conta conjunta para guardar a reserva do casamento, se cada um irá guardar a metade nas suas contas pessoais ou se vão fazer isso de outra forma. A relação dos dois com dinheiro precisa estar muito bem definida para evitar discussões desnecessárias. 

Dê rendimento às suas economias com o super app PagBank

No super app PagBank você encontra um banco completo e grátis na palma da sua mão, que vai ser um grande aliado no seu plano de casamento.

Abrindo sua conta PagBank você guarda suas economias em uma conta que rende mais que a poupança, e pode, inclusive, aplicar esse valor para ter ainda mais rentabilidade.

E após o casamento, a economia pode (e deve) continuar. Continuem estabelecendo metas financeiras para realizar os planos futuros do casal, poupando e investindo. E o PagBank também te ajuda nessa missão. Dentro do super app você encontra opções de aplicação financeira que dão suporte à sua estratégia de economia e contribuem para aumentar sua reserva. E junto às opções de investimento você também encontra:

Se você ainda não é nosso cliente, baixe agora mesmo o super app e confira as opções de investimentos que colocamos à sua disposição!

Baixe grátis o super app PagBank!

“Este canal tem como única intenção fornecer um panorama sobre as diferentes categorias de produtos de investimentos disponíveis no mercado. Os conteúdos não têm o objetivo de oferecer análise de valores mobiliários ou recomendações de investimento, considerando que os produtos apresentados podem não ser adequados aos objetivos, situação financeira ou necessidades individuais de cada usuário. O PagSeguro PagBank se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que decorram da utilização de seu conteúdo, bem como por eventuais informações fornecidas por terceiros, que não expressam a opinião do PagSeguro PagBank. As projeções e preços apresentados estão sujeitos a variações e as informações podem não estar atualizadas no momento exato da consulta do material. Antes de tomar qualquer decisão, é recomendado que o leitor busque orientação financeira independente e leia atentamente os materiais técnicos relativos a cada produto.”