8 estratégias simples para manter uma boa saúde financeira em seu negócio

Resumo do texto

  • A saúde financeira de uma empresa é muito importante para seu presente e futuro;
  • As empresas precisam tomar cuidado com este aspecto e buscar formas de garantir mais recursos e reduzir as despesas;
  • Veja 8 estratégias para melhorar a saúde financeira do seu negócio.

Baixe o super app e abra uma conta grátis PagBank

 

O mundo muda o tempo todo. A pandemia é um excelente exemplo de desafio inesperado. Muitos negócios tiveram que mudar ou adaptar formatos e buscar estratégias diferentes para seguir trabalhando. Quem tinha uma saúde financeira adequada, com certeza foi mais feliz na missão de suportar os impactos sem prejudicar o rendimento.

De acordo com o SEBRAE, os principais motivos para um negócio fechar as portas antes de completar cinco anos de funcionamento são:

A mesma pesquisa destaca que apenas 53% das empresas consultadas fazem um acompanhamento frequente de suas finanças. Esses dados mostram que, independente do tamanho do seu negócio, é preciso cuidar do desempenho financeiro dele.

Pensando em te ajudar a diagnosticar o real quadro da saúde financeira da sua empresa e enfrentar os desafios que envolvem o empreendedorismo, separamos 8 estratégias simples que organizam as finanças e garantem um futuro com melhores resultados. Acompanhe!

Saúde financeira da empresa: 8 estratégias simples para colocar em prática

Veja abaixo 8 atitudes simples, porém muito estratégicas que vão beneficiar seu controle financeiro e permitir que seu negócio não passe por apuros.

1. Faça um excelente controle das despesas

O passo inicial de qualquer estratégia de melhora financeira é a análise das despesas. Primeiro, faça uma separação entre gastos fixos e variáveis, e depois some e organize tudo para entender bem seu volume de saídas.

Agora, pegue seus gastos fixos e analise. Veja se é possível encontrar formas de reduzir, seja renegociando o valor do aluguel, reduzindo o pacote de internet ou fazendo a troca das lâmpadas incandescentes por lâmpadas de LED.

O mesmo pode ser feito com os gastos variáveis. Veja quais deles podem ser eliminados e se há uma repetição desse tipo de despesa nessa lista. Um gasto variável que se repete com frequência (ex: comprar um lanche para sua equipe às sextas-feiras) deve ser encarado e analisado como um gasto fixo, a fim de saber se é possível reduzir ou tirar despesas da sua rotina.

2. Monte um calendário financeiro

Seu negócio precisa de um calendário financeiro que seja capaz de mapear as datas onde sua empresa fatura mais e quais são os dias com os maiores gastos. Tenha certeza de incluir no seu calendário financeiro informações como:

  1. Data de pagamento do aluguel e das contas de água, energia, gás, internet, telefone etc;
  2. Data de pagamento de fornecedores;
  3. O dia do acerto do salário dos funcionários (inclusive o dia em que você paga o vale, caso isso se aplique em seu negócio);
  4. A data de recebimento das vendas feitas usando as maquininhas de cartão;
  5. As datas estratégicas (ex: Black Friday, Dia das Mães e Natal para quem trabalha no varejo).

Adotar um calendário financeiro vai ajudar você a entender quais são as melhores datas de vencimento para suas contas, quando é o melhor dia para receber as vendas por cartão e qual é a quantia que você precisa ter em caixa para honrar cada um dos seus compromissos sem se apertar.

3. Foque no controle do fluxo de caixa

O controle do fluxo de caixa é indispensável para a saúde financeira de qualquer negócio. Ele ajuda a ter pleno conhecimento das entradas e saídas, sendo possível analisar esse fluxo diariamente.

Se você controla e entende o seu fluxo de caixa pode se preparar para quitar seus compromissos financeiros sem precisar de recursos externos (como um empréstimo ou uso do cheque especial).

Com isso, você consegue fugir de problemas como juros com uso do cheque especial e criar estratégias para manter o capital de giro sempre disponível, evitando que seu negócio seja pego de forma desprevenida em caso de alguma emergência.

4. Separe a Pessoa Física da Pessoa Jurídica

Mesmo que você seja o único responsável pelo seu negócio, a melhor forma de evitar problemas financeiros é separando seus gastos pessoais dos recursos da empresa. Essa atitude dá clareza para a situação econômica do seu negócio e evita que você utilize sua reserva pessoal no trabalho (ou use o dinheiro da empresa para fins pessoais).

Emitir o CNPJ do seu negócio e abrir uma conta PJ é uma excelente ideia. Um empreendimento formalizado tem facilidades para obter linhas de crédito com juros baixos, as negociações com fornecedores é mais simples e vantajosa e você pode criar uma conta exclusiva para gerenciar as finanças do trabalho, o que é essencial para separar os recursos.

5. Tome cuidado com o seu estoque

Um estoque sem controle está sujeito a situações como:

  1. Exagero na reposição de produtos;
  2. Itens em excesso e sem saída, que apenas ocupam espaço e não se transformam em lucros;
  3. Escassez de produtos que têm boa saída;

Controlar o estoque é uma dica importantíssima para os empreendedores que estão preocupados com a saúde financeira. Portanto, reserve um tempo e analise bem a situação do seu estoque. Confira e liste cada um dos itens e, em seguida, pense estratégias para vender os produtos parados e ampliar seu faturamento.

Quer uma ajuda para otimizar a gestão do seu estoque? Clique aqui e baixe a nossa planilha de controle!

6. Invista em planejamento e aposte na automação

Para otimizar a saúde financeira, o planejamento é a solução! Pense sobre a possibilidade de investir um pouco para melhorar sua gestão. Você pode contar com sistemas completos que analisam o desempenho do seu negócio e ajudam na organização financeira, como é o caso do PagVendas.

O PagVendas é um sistema completo para você gerenciar seu negócio, o contato dos seus clientes, analisar relatórios de desempenho e controlar até mesmo vendas fiadas. Com o PagVendas você conta com uma ferramenta repleta de recursos para simplificar a gestão estratégica do seu negócio e para dar vida à nossa próxima dica, que é relacionada com as vendas online.

Conheça mais sobre o PagVendas!

7. Faça vendas pela internet

Os clientes estão cada vez mais propensos a fazer suas compras pela internet. Atualmente é possível comprar de tudo online e, ainda receber as compras no mesmo dia ou apenas alguns dias depois.

Essa facilidade fez as vendas online decolarem nos últimos anos, e seu negócio deve aproveitar desse crescimento para melhorar os resultados. Aposte na Loja Online do PagVendas para colocar o seu negócio na internet de um modo simples e prático, e assim, atrair mais clientes!

E se você não quiser uma loja na internet, tudo bem! Você pode usar os perfis no Facebook e Instagram e até mesmo seu WhatsApp para divulgar produtos e fazer vendas. Tudo o que você precisa são de ferramentas como o Link de Pagamento e o Pede Fácil.

Com o Pede Fácil você monta um Menu Digital de produtos com muito mais visibilidade e encaminha direto para seus clientes. O cliente escolhe os itens desejados, faz o pagamento e pronto: venda realizada com sucesso!

Clique aqui e conheça tudo sobre o Pede Fácil.

O Link de Pagamento também é uma ferramenta para você vender online sem usar um site. Basta que seu cliente informe o produto escolhido para você gerar um link com o valor da compra. Feito isso, é só encaminhar e esperar o pagamento.

O Link de Pagamento PagSeguro ainda conta com boas vantagens, como o cálculo automático de frete e a possibilidade de parcelamento do valor para o cliente (ele paga parcelado, mas você recebe de uma vez).

Acesse a página e descubra todas as vantagens do Link de Pagamento.

Prepare o seu negócio e conte conosco nessa missão!

Empresas passam por períodos desafiadores em diversas etapas da sua existência e pelos mais variados motivos. Por essa razão, é preciso estar preparado para os desafios, tomando as medidas necessárias para equilibrar as contas e impedir que o empreendimento enfrente problemas.

Para isso, é necessário preparo, controle dos recursos e, claro, uma análise constante da saúde financeira. Vale a pena adotar as dicas mencionadas acima e buscar boas ferramentas para deixar seu empreendimento ainda mais completo, tanto para os clientes quanto em termos de gerenciamento.

Então, não se esqueça de contar com as ferramentas que só o PagSeguro PagBank pode oferecer para o seu negócio. Aqui você tem à disposição recursos para solucionar as demandas do delivery, da Loja Online, dos pagamentos online e presencial, além da conta que rende o dobro da poupança e a oportunidade de aplicar o dinheiro da sua empresa para aumentar a reserva.

Venha para um banco completo e grátis e que cabe na palma da sua mão. Baixe grátis agora mesmo o super app PagBank!