Como aumentar as vendas? Saiba escolher os canais de venda certos para o seu negócio

Resumo do texto

  • Saiba o que é um canal de vendas e como eles funcionam;
  • Veja exemplos de canais de venda online e offline e entenda cada um deles;
  • Aprenda como ampliar suas oportunidades de vendas e como o PagBank te ajuda a criar os canais de vendas certos.

Baixe grátis o super app PagBank

 

Vender mais é um objetivo comum em todo negócio. E, para alcançar esse objetivo, uma pergunta frequente na vida do empreendedor (principalmente em datas comemorativas, como o Natal) é “como aumentar as vendas”?

Se você está em busca de estratégias que respondam a essa pergunta, saiba que uma das melhores formas de vender mais é aumentando a quantidade de canais de venda.

Não entende muito sobre o assunto e nem sobre os canais de venda? Veja a seguir o que são eles, conheça exemplos de canais online e offline e saiba como aumentar suas oportunidades de vender escolhendo os canais certos para seus produtos ou serviços.

O que é canal de vendas?

Basicamente, um canal de venda é um caminho (online ou offline) pelo qual as pessoas conseguem ter acesso ao seu negócio e fazer compras. Através deste “elo” entre cliente/empresa, você tem a possibilidade de divulgar, interagir, tirar dúvidas, comercializar e entregar suas ofertas para todo mundo.

Seus canais de venda podem te ajudar em várias etapas do processo de compra, mas, independente do foco de atuação, o objetivo central será sempre estimular vendas e fidelizar clientes.

Tipos de canais de venda

Já que os canais de venda são tão importantes para o sucesso do seu negócio, você precisa:

  1. Entender os tipos de canais disponíveis no mercado;
  2. Conhecer o seu cliente, saber onde ele mais faz compras e de que jeito ele gosta de comprar;
  3. Ter objetivos claros para vender e divulgar seu negócio;
  4. Escolher os canais que atendem melhor às necessidades do seu negócio.

O primeiro passo é dividir os canais de venda entre diretos e indiretos.  Os canais de venda diretos são canais particulares, como sua própria equipe de vendas e sua loja. Os canais de venda indiretos são as revendas, parcerias e os pontos de distribuição.

A escolha entre um canal direto e indireto depende de alguns fatores, dentre eles está o quanto você tem para investir no seu negócio. Os canais diretos precisam de mais investimento enquanto os canais indiretos podem ser mais em conta.

Dentro dos canais diretos e indiretos existe mais uma divisão, que é feita entre os canais de venda online e offline. Parece confuso, mas é bem simples de entender. Veja dois exemplos.

Exemplo 1

O Shopping PagBank é como um grande shopping dentro do seu celular. Lá estão diferentes lojas parceiras, que oferecem seus produtos com ofertas (e cashback) para os clientes. As lojas dentro do Shopping PagBank estão usando um canal online indireto para vender para os clientes.

Exemplo 2

Imagine que um grupo de mulheres monta uma confecção e uma pequena loja para vender sua produção. Elas estão fazendo essas vendas por um canal offline direto.

Vamos explicar um pouco mais sobre o que são esses canais online e offline para você entender mais sobre eles e como eles podem ser usados pelo seu negócio para conseguir resultados melhores.

Canais de venda offline

Confira dois dos principais exemplos de canais de venda disponíveis para as lojas físicas

Ponto de venda

O tradicional PDV pode ser tanto uma loja própria quanto um local de distribuição onde você deixa seus produtos expostos. O ponto de venda é um canal excelente para exposição de produtos, para fortalecer a interação entre seu negócio e os clientes e também para que os clientes possam experimentar produtos e conhecê-los melhor.

Venda direta

Venda direta ou venda “porta a porta” é um canal de venda que exige disponibilidade do vendedor em se deslocar. O movimento é oposto ao do PDV, ou seja, em vez do cliente ir até a loja, a loja é quem vai até o cliente. Um bom exemplo de canal de venda direta são os tradicionais catálogos de cosméticos.

Canais de venda online

Confira quatro dos principais exemplos de canais de venda disponíveis no mercado digital.

Redes Sociais

Engana-se quem pensa que Instagram, Facebook e WhatsApp são apenas ferramentas de marketing ou apps para você curtir as fotos dos seus amigos.

As redes sociais têm se mostrado poderosos canais de venda, e são ótimas opções para quem quer ampliar o alcance de seus produtos com um investimento relativamente baixo, permitindo que a loja  entre no universo das vendas online sem medo (mesmo sem ter um site).

Loja Online

A loja online é a representação da loja física no universo digital. Ela é um canal de venda conectado e exclusivo do seu negócio, com a sua identidade visual, informações sobre a sua empresa e, claro, toda a sua carta de produtos.

Esse tipo de canal de vendas pede um certo cuidado na escolha de uma plataforma segura para você e para os clientes. É preciso se preocupar com fatores como facilidade na navegação, checkout simplificado, opções de pagamento, valor de frete etc. Toda essa preocupação tem um motivo: facilitar a vida de quem for comprar e evitar o abandono de carrinho.

Marketplace

Se a loja online é a loja física na internet, os marketplaces são os shoppings online, ou seja, é um canal de vendas que coloca nas mãos dos clientes vários produtos, lojas e marcas diferentes.

O objetivo de um marketplace é facilitar a conexão entre cliente e as empresas. Ele também é capaz de dar mais visibilidade e credibilidade para pequenos e novos negócios. Outra vantagem desse canal é que você não precisa se preocupar com questões de infraestrutura de plataforma e pagamento, já que tudo já é configurado.

Aplicativos de vendas

Um aplicativo é um canal de vendas moderno e que está se tornando cada vez mais popular. As pessoas usam cada vez mais os celulares para comprar, e seu negócio pode oferecer um aplicativo para simplificar o acesso dos consumidores às suas ofertas.

Você pode ter um aplicativo de vendas exclusivo ou cadastrar a sua empresa em aplicativos de venda conjunta. Seja qual for a sua escolha, o objetivo dos apps de vendas é o mesmo: facilitar o acesso e trazer modernidade para o seu negócio.

Como aumentar as oportunidades de vender?

Para ter sucesso em vendas é preciso saber identificar qual canal atende melhor o seu público-alvo.

Tenha em mente que você não precisa, e nem deve, estar em todos os canais de vendas, principalmente, se não for dar conta de gerir todos eles.

Um ponto muito importante a se levar em consideração na hora de ampliar as oportunidades de venda é a experiência do cliente. Lembra do tópico sobre conhecer o seu cliente, saber onde ele está e como gosta de comprar? Esses são pontos fundamentais que você precisa investigar antes de escolher um ou mais canais de vendas para o seu negócio.

A lógica é simples, suas oportunidades de venda estão onde o seu cliente está. Vá atrás dessas informações e seja estratégico nas suas escolhas.

Como criar um canal de vendas com a ajuda do PagBank?

As vendas online tomaram uma proporção além do esperado neste ano de 2020. O motivo a gente já sabe, o isolamento social e as medidas de segurança aproximaram os clientes do ambiente virtual, até mesmo os mais tradicionais.

Diante deste cenário, é bem provável que o seu cliente esteja navegando por aí. E se você quer chegar até ele antes do concorrente, o PagBank pode te ajudar a ampliar os seus canais de venda online com facilidade e agilidade.

Conte com nossas ferramentas para aumentar suas vendas:

Um super app para supervendas!

Agora que você já esclareceu todas as suas dúvidas sobre canais de venda e entendeu a real importância de escolher os canais certos para os seus clientes, não deixe esse conhecimento para trás junto com 2020.

Que tal aproveitar para expandir suas vendas em diversos canais usando apenas uma plataforma? Conheça as ferramentas do Pag pro Pequeno, com certeza existe uma solução ideal para o seu negócio!

Visite o Pag pro Pequeno