Resumo do texto

  • Existem diversos tipos de negócios que você pode começar agora mesmo, sem nem precisar sair do conforto do seu lar;
  • Confira 56 ideias criativas para quem quer começar a empreender;
  • Conheça ferramentas que facilitam vender pela internet.

Baixe já o super app PagBank!

 

Existem ótimas oportunidades de empreender sem precisar se preocupar com aluguel, com montagem de uma loja e nada disso, basta usar a sua casa como sede do seu próprio negócio.

Quer conhecer algumas ideias bem criativas para se tornar um empreendedor sem sair de casa? Então, confira nossa lista!

Ideias criativas para começar a empreender de casa

Existem alguns nichos que são perfeitos para você começar a empreender na sua residência, são eles:

  1. Alimentação;
  2. Artesanato;
  3. Prestação de serviços;
  4. Comércio eletrônico;
  5. Atividades online.

Vamos dividir as nossas sugestões entre essas cinco áreas. E se você quer começar a empreender com bastante organização, fica a nossa dica: abra uma conta grátis para separar o seu dinheiro dos recursos do seu negócio.

Alimentação

A produção de alimentos pode ser feita em sua casa, desde que sejam seguidas as normas de higiene e proteção, que são obrigações de quem trabalha nesse mercado. E um ponto positivo de trabalhar com comida é a facilidade de encontrar a matéria-prima.

Dicas 1 a 8: produção de doces

Quem não gosta de um bom doce, não é mesmo? Se você tem o dom da confeitaria, melhor ainda. Se não, saiba que existe uma infinidade de tutoriais na internet para você se aperfeiçoar. Por isso, fabricar essas guloseimas em casa é uma ótima forma de garantir uma renda, ainda mais se você souber divulgar e fazer boas fotos para deixar todo mundo morrendo de vontade.

A confeitaria é bem ampla, então, você pode, inclusive, se especializar em um único tipo de quitute, aqui vão algumas dicas:

  1. Bolos e cupcakes (simples ou mais trabalhados);
  2. Brigadeiros;
  3. Bolos de pote ou Pote da Felicidade;
  4. Brownies;
  5. Cookies;
  6. Trufas e bombons;
  7. Chocolates personalizados;
  8. Folhados recheados e cinnamon rolls (iguais à imagem abaixo).

Dicas 9 a 12: produção de salgados

Da mesma forma que os doces têm uma boa saída, os salgados também são ótimas pedidas. São alimentos práticos e sempre caem bem naquele lanchinho da tarde ou quando queremos comer alguma coisa mais rápida. E aqui também existem algumas boas opções:

  1. Produção de pão de queijo (simples ou recheados);
  2. Salgados congelados prontos para fritar;
  3. Salgados fritos e assados prontos para consumo;
  4. Opções vegetarianas, sem glúten e/ou lactose.

O céu é o limite da imaginação. Teste novas opções, valide-as com quem você conhece e esteja sempre antenado a novas combinações!

Na hora de vender, que tal contar com as Maquininhas do PagSeguro? Com elas você não paga aluguel e ainda aceita crédito, débito, vale-refeição, pagamento via QR Code e por aproximação!

Descubra qual a melhor maquininha para o seu negócio!

Dicas 13 a 17: lanches e outras finger foods

Finger foods são comidas que podem ser consumidas com as mãos, sem precisar de pratos e talheres. Essa característica faz com que elas também sejam opções rápidas e práticas, especialmente para as entregas. Veja algumas ideias que você pode investir:

  1. Hambúrgueres;
  2. Pastéis;
  3. Espetinhos;
  4. Dadinhos de tapioca;
  5. Salgadinhos variados.

Dicas 18 e 19: refeições completas e pratos mais trabalhados

Você também pode empreender no segmento de alimentação mais completas. Aqui, a dica é oferecer comida de qualidade e aqueles pratos que o pessoal gosta (como aquela receita de frango da sua mãe), mas que dão mais trabalho para fazer:

  1. Massas e molhos congelados;
  2. Carnes, peixes e aves (aqui você pode variar de acordo com sua criatividade).

Dicas 20 a 23: alimentação funcional e fitness

As comidas fitness e pratos funcionais estão em alta, ainda mais agora que muita gente está preocupada com o sedentarismo no meio da quarentena. As opções para você empreender são boas, veja só:

  1. Marmitas e pratos saudáveis entregues pronto para consumo;
  2. Alimentos fitness congelados;
  3. Pratos vegetarianos e veganos;
  4. Pratos sem lactose e glúten.

Dicas 23 a 27: produção de ingredientes

Você não precisa se dedicar a entregar os pratos prontos. Muitos consumidores se interessam por trocar produtos industrializados por versões artesanais, a fim de garantir mais sabor para suas receitas. Com isso, surgem oportunidades de empreender com:

  1. Venda de massas caseiras;
  2. Venda de legumes e frutas orgânicas (sim, o seu quintal todo parado pode virar uma horta e ajudar na sua renda!);
  3. Venda de massa para produção de pizzas e pastéis;
  4. Geléias caseiras.

E na hora de fechar a venda, que tal contar com o Link de Pagamento? Com ele você não precisa nem de maquininha, nem de um site. Em apenas 3 minutos você gera o link, envia para o cliente efetuar o pagamento e pronto!

Artesanato

Mudando de área de atuação, o artesanato é outra atividade que não precisa de um espaço exclusivo, portanto, é uma ótima forma de empreender em casa. Veja algumas ideias que você pode colocar em prática:

Dicas 28 a 33: decoração

Com bastante capricho e uma boa dose de criatividade é possível criar artigos de decoração incríveis, e vendê-los por um preço bem interessante. Aqui vão algumas ideias de produtos:

  1. Quadros;
  2. Macramê;
  3. Vasos decorados;
  4. Enfeites e adesivos de parede;
  5. Artigos de crochê;
  6. Flores em EVA;

Dicas 34 a 41: artesanato de utilidade

Aqui entram alguns produtos que podem ser desenvolvidos na sua casa, mas que não são simples decorações, eles alinham estilo e algumas funções práticas para a casa dos clientes:

  1. Sabonetes, difusores de ambiente e velas perfumadas;
  2. Luminárias decoradas;
  3. Confecção de toalhas, porta-copos e jogos americanos em tecido, crochê etc;
  4. Panos de prato;
  5. Porta-objetos;
  6. Prateleiras e nichos decorados;
  7. Mantas em patchwork;
  8. Cachecóis de crochê.

Por último, mas não menos importante, a produção de máscaras de proteção individual são itens obrigatórios em quase todos os estados e municípios. Por isso, preparamos uma série completa para você saber:

Prestação de serviços

Como são serviços, é bem provável que você tenha que ir até o cliente para executar as coisas, porém, nada impede que a sede da sua empresa de serviços seja a sua casa.

Dicas 42 a 50: serviços que são prestados fora de casa

Veja quais são os serviços que você pode divulgar, mas que terão que ser realizados onde o cliente desejar. Fique atento para esse tipo de trabalho, já que será fundamental tomar medidas de proteção contra o coronavírus.

  1. Marido(a) de aluguel;
  2. Pintura residencial;
  3. Serviços elétricos e TI (instalação de internet, modem etc);
  4. Serviços de manutenção de encanamentos;
  5. Dog walking (profissionais que levam cães para passeios);
  6. Serviços de limpeza em geral;
  7. Serviços de costura e conserto de roupas;
  8. Babá e cuidador de crianças (algo muito importante para os pais que não estão em home office);
  9. Serviços de massagem e massoterapia.

Vendas Online

Aqui, não tem segredo: é fazer da internet o seu campo de trabalho. Para isso, você terá que escolher que tipo de produto vai vender, portanto, fique de olho e dê uma mapeada nos fornecedores para nunca faltar mercadoria.

Uma dica bem bacana para quem quer começar nessa jornada é contar com alguma ferramenta que facilite vender pela internet, como a Loja Online do PagVendas. Essa nossa ferramenta permite que você crie a sua Loja Online sozinho e sem dificuldade, além de ser uma frente de caixa completa para o seu negócio.

Confira como o PagVendas pode te ajudar:

 

Conheça tudo sobre o PagVendas.

 

A outra ferramenta que você precisa conhecer é o Pede Fácil. Ele é um Menu Digital que simplifica a escolha do seu cliente e deixa o gerenciamento das entregas desses produtos muito mais simples.

O Pede Fácil é feito para quem quer vender e entregar por delivey, por isso, contamos até com uma parceria com a Loggi, que é uma das melhores empresas de entrega do Brasil.

Serviços e produção online

A internet não permite que você ganhe dinheiro apenas com vendas, é possível ir além e prestar serviços pela internet, e também produzir conteúdos. Veja mais sobre essas possibilidades.

Dicas 51 e 52: serviços online

Com o avanço da tecnologia, alguns serviços podem ser prestados via internet sem que isso impacte a qualidade do que é oferecido. Destacam-se aqui:

  1. Aulas online (seja qual for o tema que você saiba ensinar);
  2. Consultoria de organização pessoal (o famoso personal organizer).

Dicas 53 a 56: Produção de conteúdo

Trabalhar com produção de conteúdos e conseguir uma grana com isso vai exigir muita dedicação às redes sociais e blogs, porém, se você tem esse dom, é possível ganhar um bom dinheiro. Veja algumas ideias:

  1. Trabalhar como influenciador digital e fazer publicações pagas ou patrocinadas;
  2. Produzir conteúdos interessantes para as pessoas (como planilhas de organização financeira, e-books, etc) e comercializá-los em um site ou blog;
  3. Criar vídeo-aulas para ensinar algo que você sabe (como cozinhar, fazer artesanato, etc);
  4. Produzir conteúdos para empresas como blogposts, ebooks etc.

Seja qual for a sua escolha, conte conosco!

Vendendo online, entregando na porta de casa ou usando o delivery para entregas, não importa qual é a sua estratégia, nós temos sempre uma ferramenta para te ajudar. Tudo começa com a conta PagBank, que rende mais que a poupança e o super app, que é um banco completo e grátis na palma da sua mão.

Baixe já o super app PagBank!

Além da conta para concentrar sua grana, não se esqueça de contar com as Maquininhas do PagSeguro. Com elas, você será capaz de vender usando cartões, QR Code e também via NFC, que é a tecnologia de pagamento por aproximação.

Além disso, as maquininhas oferecem a opção de recarga de celular (com 2% de comissão para quem vende) e os modelos Moderninha X e Moderninha Smart já vêm com o PagVendas integrado, (aquela ferramenta bacana que comentamos lá em cima), que permite a gestão completa e administração da frente de caixa do seu negócio de um jeito bem prático.

E você não precisa contar apenas com as Maquininhas para vender, pode contar também com soluções práticas sem nem precisar de uma loja virtual. Confira:

  1. Venda pelo WhatsApp ou redes sociais usando o Link de Pagamento.
  2. Conheça o Pede fácil e invista no seu delivery!