Resumo do texto

  • Estoque parado é sinônimo de perda de oportunidades e redução no fluxo de caixa;
  • Veja dicas para montar uma excelente queima de estoque na Black Friday;
  • Descubra quais ferramentas do PagSeguro PagBank podem lhe ajudar nessa missão.

Baixe já o super app PagBank!

 

Quando você fica com produtos encalhados no seu estoque, significa que você está perdendo dinheiro e a Black Friday é o momento certo para uma queima estoque.

Veja abaixo algumas dicas para fazer uma boa queima de estoque!

Como fazer uma boa queima de estoque na Black Friday?

Queima de estoque não é só baixar preços e ficar esperando o interesse do cliente. A ideia é estimular a compra de produtos que precisam de saída, mas sem esquecer do lucro, da organização das vendas e, claro, a divulgação das ofertas para os clientes.

Separamos a seguir algumas dicas bem importantes para você usar no seu negócio para ter sucesso fazendo uma queima de estoque durante a Black Friday. Essas orientações são tanto para quem trabalha com vendas online quanto com lojas físicas ou os dois.

1. Faça uma análise completa do estoque atual

Como você vai identificar os produtos que vendem bem e os que estão parados sem analisar seu estoque? Se você pular essa etapa, corre o risco de baixar os preços em mercadorias com boa saída, o que vai diminuir seu lucro e sem resolver seu problema.

Separe uma parte do seu dia para listar os produtos, contar as unidades e comparar as quantidades com o tamanho dos seus pedidos de reposição. E monte sua estratégia de vendas com total clareza do seu estoque.

Mesmo que essa tarefa seja cansativa e precise de dedicação, ela é necessária para uma gestão de estoque mais produtiva para o seu negócio. Estratégia sem análise não existe, portanto, mãos à obra!

2. Avalie os preços para acertar nos descontos

Sabendo quais são os produtos que você tem aí, é hora de focar nos preços. Um produto parado no estoque pode estar ali por diversas razões, como falta de interesse do público ou até mesmo erros na definição dos preços.

Verifique quanto você está cobrando em cada produto e qual é o seu lucro por venda. Queima de estoque pede promoção, mas não sacrifique o seu lucro. O máximo que você deve fazer é reduzir um pouco sua margem de lucratividade.

Para que sua promoção não vire um prejuízo, você precisa saber e analisar:

  1. Quanto você lucra com cada produto;
  2. Qual é o tamanho do desconto que você pode dar em cada mercadoria;
  3. Qual é o volume de saída de cada um deles.

Imagine um item caro e que não vende bem. Vale a pena olhar para ele com atenção. Abaixando seu lucro, o preço fica mais atraente, inclusive podendo bater a oferta dos seus concorrentes.

Afinal, o que vale mais? Produtos parados com uma margem de lucro maior ou vendas realizadas, mesmo que lucrando menos?

3. Preço + quantidade = hora de pensar nas promoções

Aqui quem manda é a sua criatividade. Você pode simplesmente tabelar novos preços ou fazer ações como:

  1. Pacotes de produtos diferentes em uma única oferta;
  2. Descontos progressivos (exemplo: desconto de 30% na segunda unidade);
  3. Promoções do tipo “leve 2, pague 1”.

A decisão sobre as ofertas é sua. Faça como achar melhor, mas, vale a pena pensar em estratégias como as da lista aqui em cima, principalmente se você quer fazer uma queima de estoque.

Muitas vezes, um produto sozinho não consegue atrair o consumidor, porém, quando inserido num combo ou vendido em grandes quantidades por um preço mais baixo, pode transformar itens parados em dinheiro no seu caixa!

4. Faça uma boa divulgação das suas ofertas

Para que seus clientes saibam das suas ofertas é preciso espalhar a palavra. Use diversos meios de comunicação, desde os mais tradicionais, como um panfleto para entregar na frente da loja, até os mais modernos, como uma publicidade paga no Facebook que leva o cliente para sua loja virtual em um clique.

Quem não se comunica não informa direito, portanto, faça uma lista com os principais meios de comunicação que você usa e divulgue suas ações. Veja uma pequena lista de canais que você não pode ignorar:

  1. Redes sociais;
  2. E-mail marketing;
  3. Listas de contato do WhatsApp Business;
  4. Seu site de vendas (caso você opere com vendas online);
  5. O ponto de vendas.

Você pode até pensar algo como “o meu ponto é um canal de comunicação?”, e a resposta é: claro que sim! Suas vitrines, as janelas, os corredores, tudo pode ser usado para divulgar promoções e despertar o desejo de consumo.

Quer saber mais sobre as melhores ferramentas de marketing para o seu negócio? Confira este conteúdo exclusivo sobre o tema!

Invista um pouco em publicidade

Publicidade nas redes sociais e no Google são baratas e dão resultado. Uma campanha de anúncios bem feita pode ter um ótimo custo-benefício, portanto, não deixe os anúncios digitais de lado.

Com pouco dinheiro você consegue colocar no ar uma campanha bem certeira. Pense se vale mais a pena imprimir um monte de panfletos para distribuir no sinal ou se é mais interessante usar esse dinheiro para entregar uma publicidade direcionada e interativa.

5. Dê atenção especial aos clientes que compram com frequência

Sabe aqueles clientes antigos e que sempre compram no seu negócio? Olhe com carinho para eles e ofereça condições ainda mais especiais para comprarem durante sua queima de estoque.

Esse é o seu público selecionado. Eles já conhecem seu negócio e costumam comprar com você, por isso, é preciso dar a eles algo diferenciado. Pense em promoções especiais, cupons de desconto e condições especiais de pagamentos.

São formas de deixar a relação entre vocês ainda mais forte, além de ser uma espécie de agradecimento pela confiança que eles têm no seu negócio.

6. Ofereça boas opções de pagamento

Você vai perder muitas vendas se as ofertas exigirem pagamento em dinheiro ou à vista. É preciso ter flexibilidade em alguns momentos, especialmente quando a missão é queimar estoque e melhorar o caixa.

Não diminua a quantidade de condições de pagamento em sua queima de estoque nesta Black Friday, faça o contrário. E se você não sabe como diversificar, aqui vão algumas ferramentas que podem ajudar:

  1. O Link de Pagamento. Com ele você faz vendas usando apenas um link encaminhado para o cliente;
  2. O QR Code PagBank;
  3. As maquininhas PagSeguro, que conseguem ler o QR Code Elo, usado para pagar compras usando o Auxílio Emergencial;

Suas ofertas precisam ser acompanhadas das melhores ferramentas de pagamento, por isso, fica a nossa dica: diversifique o pagamento para vender mais e melhor!

Quer conhecer mais sobre nossas ferramentas de pagamento para o seu negócio?

Cuide melhor do seu estoque e do seu negócio com o PagSeguro PagBank

Uma loja de sucesso não é apenas campeã de vendas, é preciso muita estratégia para ser líder de vendas. Estratégia, em muitos casos, é feita usando informações importantes como:

  1. Análise dos resultados do mês;
  2. Acompanhamento das vendas

O PagVendas fornece tudo isso e mais um pouco. Com ele você tem à disposição uma ferramenta completa para controlar seu negócio em tempo real, cuidar do estoque, analisar as vendas, organizar o contato dos clientes e montar sua Loja online.

Se você trabalha com a Moderninha Smart ou Moderninha X, saiba que o PagVendas já está dentro da sua maquininha! Aproveite o PagVendas para organizar seu estoque e toda a sua loja para as datas mais importantes que vem pela frente: a Black Friday e o Natal.

Clique aqui e conheça mais sobre o PagVendas, um sistema completo para a gestão do seu negócio!

Quer mais uma ajuda nessa missão do estoque? Baixe gratuitamente a nossa planilha de controle de estoque e coloque em prática as nossas dicas!

Baixe grátis a planilha de controle de estoque